Make your own free website on Tripod.com

 

 

 

 

Prímula

 

Prímula que dizer Primeira (Prímula a primeira Rosa).

Foi por ser um dos primeiros sinais da primavera, que a prímula recebeu seu nome em inglês, "primrose", que significa "primeira rosa". Ela não é o que se chamaria de rosa hoje em dia, mas em tempos remotos, o nome era usado para uma variedade mais ampla de flores. Em algumas partes do oeste da Inglaterra, a prímula é chamada de rosa-manteiga, em razão da cor de suas flores, tão parecida com um tipo de manteiga fabricada nessa região. Em alguns locais do Brasil, a planta é conhecida como "pão-e-queijo".

Esta bela planta é pertencente à família das Primuláceas. A variedade mais comum e também mais conhecida é a Primula obconica. Suas hastes longas sustentam cachos de flores brancas, cor-de-rosa, púrpura, salmão ou lilás. A folhagem, também muito vistosa, circundando as flores, forma uma espécie de "embalagem" verde e aveludada. Trata-se de uma das mais bonitas plantas floríferas que pode ser cultivada em ambientes internos, pois aprecia ambiente fresco, com luz solar filtrada.

Para aproveitar bem a presença das prímulas em casa, vale a pena conhecer os principais cuidados que elas merecem:

A grande variedade de cores e a delicadeza das prímulas a tornam uma planta versátil, muito útil na combinação com outras plantas. Entretanto, se a observarmos com cuidado, podemos perceber que o conjunto formado pela folhagem e pelas hastes floridas faz com que a planta seja ideal para ser usada isoladamente, tanto nos jardins, quanto em ambientes internos.

Segundo a Enciclopédia de Horticultura New York Botanical Garden, a folhagem da Primula obconica pode causar alergia em algumas pessoas mais sensíveis. Mesmo que o problema ocorra com pouca freqüência, é recomendável manipular a folhagem o mínimo possível, especialmente as pessoas que já apresentam reações alérgicas a outros agentes.